Dificuldades na amamentação: onde procurar ajuda

Quando passamos por dificuldades na amamentação ficamos cheias de dúvidas e inseguranças. Cada pessoa perto da gente diz uma coisa, ouvimos tantos palpites e sugestões e a confusão só piora. Por isso eu vim compartilhar com vocês algumas dicas de onde pedir ajuda, através da web e presencialmente, em Curitiba.

  1. Grupo Virtual de Amamentação (GVA) no facebook. É um grupo de voluntárias que apoiam o aleitamento materno e respondem nossas dúvidas online. No grupo você encontra textos excelentes, estudos científicos, publicações, trechos de livros, tudo sobre amamentação.
  2. Banco de Leite Humano do Hospital Evangélico. O BLH do HUEC atende clientes internas e externas. São clientes que apresentam dificuldades para amamentar devido a presença mamas fissuradas, ingurgitadas, queimadas e com patologias como mastites e candidíase. O atendimento é gratuito, mas é preciso agendar por telefone. Horário de Atendimento do Banco de Leite: de segunda à sexta das 8h às 17h. Al. Augusto Stellfeld – 1908 – Bigorrilho. Fone (41) 3240-5117.
  3. PROAMA. Tem como objetivo desenvolver ações de promoção e incentivo ao aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de idade, estendendo-se por 2 anos ou mais com a alimentação complementar. Atinge gestantes, lactantes, lactentes de 0 a 2 anos ou mais. Seu atendimento ocorre  na Unidade de Saúde Mãe Curitibana, situada à rua Jaime Reis, 331, e também pelos telefones 3225-6407 e 33213229; atendimento 24 horas pelo celular 9951-3987.

É muito importante estar alerta quando for pedir ajuda pela internet. No facebook existem muitos grupos sobre amamentação, mas alguns não são confiáveis. Algumas páginas usam da amamentação para fazer propagandas e vender seus produtos. Desconfie! Eu indico o GVA porque confio muito, conheço o trabalho do grupo há anos e sou amiga pessoal de uma das moderadoras.

Amamentação pode ser um caminho com obstáculos, mas com alguma ajuda e determinação a gente chega lá! 💗